segunda-feira, 16 de setembro de 2013

tum-tum-tum

Ei,  sério, fica bem quietinho e deixa eu te abraçar.
Quem sabe assim,  nesse laço é capaz de você escutar e-xa-ta-men-te
o que o meu coração lhe diria num "tum-tum-tum" frenético, se ele soubesse falar.