domingo, 27 de maio de 2012

Ciclo

Quanto mais penso em te esquecer, mais penso em você.
Quanto mais penso em você, mais te quero por perto.
Quanto mais te quero por perto, mais te vejo longe.
Quanto mais longe, mais saudade.
Quando mais saudade, mais pontadas no coração.
Quando mais pontadas no coração,mais lágrimas.
Quanto mais lágrimas, mais penso em te esquecer,
Quanto mais penso em te esquecer...

12 comentários:

Henrique Miné disse...

quer dizer então que a senhorita resolveu dar as caras?
Já estava na hora, né! Dá saudade desse amor tão gostoso que vc escreve!

beeijo1

Carla Dias disse...

Saudade de você, sua bonita. Mas não dá vontade de esquecer, não.

Beijo, beijo!

Vanessa disse...

Maria de voltaaa :D
Adoro teus posts
Esses ciclos que fazem todo o sentido...
Beijos

Marcela Alves disse...

Que lindo. isso é um ciclo que nao para, parece que nao vai passa. Mas passa, como tudo na vida..

beeijos flo

Dina disse...

Ufa! É bem assim mesmo! O contraditório sentimento.

Adorei aqui!

Beijos!

Flá Costa disse...

queridaaaa quanto tempo que eu não venho aqui. quanto tempo perdido, olha só que texto todo lindo.

sei bem como é.

beijoca

Iasmin Cruz disse...

Que lindo, sentimentos são complexos, as vezes contraditórios.

Sou de Ubaitaba , :D

http://iasmincruz.blogspot.com.br/

Lara disse...

É o tipo de praga que ronda a minha vida atualmente. Quanto mais quero esquecer, mais o universo me faz lembrar.

Carolda disse...

Ah, Maria... essa vida, tão marota, tão cheia dos sentimentos.
Que bom que a gente pode pelo menos escrever pra tentar organizar alguns deles, né mesmo?

Beijo

Stella Rodrigues disse...

Oxi, que belissimo *-* amei. Os ciclos são tristes pq não tem fim, seriam os ciclos infinitos? Então pra que o 8 deitado né? Amei.

Tatiane Trajano disse...

E por tanto não querer...

matheus disse...

é o ciclo, por isso que eu parei de tentar esquecer e tomei vodka!