segunda-feira, 20 de julho de 2009

Não deu.

Então, não deu.
Não deu pra ligar.
Não deu pra estudar.
Não deu pra parar, não deu.

Então, não deu.
Não deu pra comprar.
Não deu pra lembrar.
Não deu pra escutar, não deu.


Então não deu?
Pois é, não deu.. Deixa assim, deixa estar.

domingo, 5 de julho de 2009

Jogando (com) as palavras.

Eu preciso tentar.
Tentar esquecer.
Esquecer é tudo o que eu mais quero agora.
Agora ,mal consigo tirar esses pensamentos da mente.
Mente esta, que está cansada das mentiras.
Mentiras fazem mal.
Mal a mim, mal a você.
Você não consegue parar nem por um segundo?
Segundo dizem por aí, esquecer é fácil.
Fácil, deve ser pra você.
Você que nem liga pro que eu sinto.
Sinto que estou ficando louca.
Louca pra fugir.
Fugir-ia, se não tivesse medo.
Medo de recomeçar.
Recomeçar para que daquela dor eu não lembre mais.
Mais tarde, sentirei saudades.
Saudades daquilo que eu deveria esquecer.
Esquecer é tudo o que eu mais quero agora.
Agora eu vou recomeçar.